Desenvolvimento - PHPFeed de artigos deste autor

Fazendo Conexão com banco de dados com PHP + MySQL

Nesse artigo abordo de maneira simples como fazer a conexão entre uma página PHP e um tabela do banco de dados MySQL.

por Luiz Cezer Marrone Filho



            Bom, vamos imaginar uma situação aqui, digamos que temos um site, onde numa guia temos uma área de login no qual nos dá acesso a uma área restrita de contatos, bom depois de logado, nós temos acesso a lista de contatos, onde podemos fazer todas as funções CRUD que desejarmos, ou seja, podemos listar, deletar, alterar e incluir novos contatos a nossa agenda ... como faríamos isso?

            Bem, e simples, para nível de exemplo vamos pensar num LOCALHOST usando o XAMPP,

Passo 1 : “Startamos” o MySQL pelo XAMPP.

Passo 2: Acesse pelo navegador o endereço "localhost/phpmyadmin"

Passo 3: Na Pagina que se abre vá na guia “MySQL localhost” e crie um novo banco de dados



            Pronto, a nossa base de dados está criada e pode ser vista na guia ao lado do navegador

            Note que não a nenhum numero ao lado da nossa base de dados, o que quer dizer que não tenho nenhuma tabela associada ao banco de dados, o nosso passo seguinte e criar a nossa tabela, que para exemplo irá se chamar “tb_alunos”.

           


           

            Aqui temos o nome da tabela, a sua quantidade de colunas (3),no caso nossas colunas iram se chamar id,nome,idade.


            Depois disso nossa tabela estará criada no banco de dados, agora nos falta é associarmos a nossa tabela, a nossa aplicação PHP.

            Agora seguiremos os seguintes passo:

            Criação de um arquivo para conexão com o PHP/MySQL.

            Criação de um arquivo para adicionar dados na tabela.

            Criação de um arquivo que faça a ponte entre o formulário e o arquivo que contem a nossa função de inserção.

            Criação de um formulário simples para adicionarmos um aluno.

            Esse é o nosso arquivo de configuração da conexão, que tem o nome de "config.php" :


            Comentário 1 : a variável $db["server"] irá receber o endereço do nosso servidor, nesse caso é "localhost".

            Comentário 2 : a variável $db["user"] irá receber o nome do usuário que tem acesso ao phpMyAdmin,caso você não tenha setado nenhum usuário deixe esse campo como na figura

            Comentário 3 : a variável $db["password"] irá receber a senha usuário que tem acesso ao phpMyAdmin,caso você não tenha setado nenhuma senha deixe esse campo como na figura.

            Comentário 4 : a variável $db["dbname"] irá receber o nome da nossa BASE DE DADOS, que foi criada na primeira figura.

            Comentário 5 : variável $conn irá receber a função mysql_connect(), função essa que estabelece a conexão com o SERVIDOR do banco de dados.

            Comentário 6 : mysql_select_db(), irá selecionar o banco de dados na qual está a nossa tabela.


            Agora vamos criar o nosso arquivo "funcoes.php" que irá conter a nossa função de inserção no banco da dados


            Nos criamos 3 colunas na nossa tabela certo? Mas na nossa tabela a coluna de ID, está marcada como “A.I.” ou seja, Auto Incremento, então não precisamos inserir nada a ela, ela irá aumentar seu valor sempre que foi adicionado um novo registro na tabela, então passamos somente os outros dois parâmetros que precisamos realmente passar, criamos uma variável $sql, que irá receber o nosso comando SQL para inserção (caso não tenha entendido o código SQL, ESTUDE!), e na linha a seguir mysql_query(), executa a ação.

            Agora iremos criar o nosso arquivo que servirá de ponte entre o arquivo de "funcoes.php" e o nosso formulário que será criado a seguir:

            Arquivo "adiciona.php".


            Esse arquivo contem apenar a nossa função "adicionar" que foi criada no "funcoes.php",ou seja, nesse arquivo nos chamamos a função e passamos os seus paramento, no caso nome e idade, serão capturados do formulário que ainda criaremos.

            Repare nas linhas 3,4, temos o seguinte código “include ...” o que é isso? Bom nada mais é que um reaproveitamento de código, estamos falando ao PHP “inclua nesse arquivo, tudo que há nos arquivos "config.php" e "funcoes.php"” é uma maneira mais pratica do que reescrever todo o código.

            E por fim o nosso formulário:


            Muito básico, mas serve para o exemplo, reparem em dois pontos, no ACTION do formulário, é o nosso arquivo "adiciona.php", ou seja, quando os dados forem submetidos, quem irá atender essa requisição é o nosso arquivo adiciona.php, que já foi explicado aqui.

            E também vejam os nomes dos campos input, eles devem ser o mesmo nome é que passado para a variável $_REQUEST[].

            Pronto, tudo feito, agora é só acessar esse formulário via browser, inserir o dados e enviar,

se tudo der certo, o browser irá ficar em branco e o endereço irá ficar “localhost/..../adiciona.php”,

agora basta procurar a nossa tabela, no nosso banco de dados, e ver se o registro foi adicionado.

           

            Espero que tenha gostado do tutorial, abraço a todos. :)

            Att, Luiz Cezer "Cezinha" Marrone Filho.

Luiz Cezer Marrone Filho

Luiz Cezer Marrone Filho - Estudante do Curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas da UTFPR Campus Medianeira.
Apesar de estar iniciando, tem um grande interesse em área de desenvolvimento Web, principalmente desenvolvimento utilizando tecnologias como Jquery, PHP.